Exposição: Vida de Damião na BMA

· AMIGOS
Autores

Exposição

Vida de Damião na BMA

Damião de GoesDepois da Comissão Nacional para as Comemorações dos Descobrimentos Portugueses ter apresentado na biblioteca uma exposição sobre Damião de Goes (e Pedro Nunes), foi a vez da própria biblioteca e a CMA, através da pesquisa e textos de António Guapo, organizarem uma exposição sobre a vida e obra do notável alenquerense. Um conjunto de painéis exibido nas instalações da BMA, de 4 a 31 de Outubro, mostrou alguns aspectos da vida (as viagens, o contacto com alguns intelectuais da época – Martinho Lutero, Erasmo) e da obra (os seus livros – capas de edições da última metade do séc. XVI, um frontispício da Crónica de D. Manuel, edição de 1617, traduções; as peças musicais, a influência na sociedade portuguesas do séc. XVI, passando pela convivência na corte de D. Manuel, formação académica, processo de inquisição (realce para um texto que fala no exagero e na injustiça das acusações, como comer carne na quaresma e as críticas à igreja. Podia ler-se, até, a certa atura: “Mas estas insignificâncias, para os espíritos mesquinhos, beatos e tacanhos dos Inquisidores do Tribunal do Santo Ofício, foram razões suficientes para ‘justificar’ uma severa e desproporcionada condenação”.) e terminando na morte pouco clara do humanista português, podendo ver-se, num dos painéis, o Assento de Óbito.

in Jornal d’Alenquer, 1 de Novembro de 2002, pp. 26



Mario-Rui


©Mário Rui Freitas (2002)
Jornalista do Jornal D’Alenquer

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s