“Teatro da Biblioteca” comemorou 10 anos

· Notícias Locais
Autores

Parabéns a você

“Teatro da Biblioteca” comemorou 10 anos

“Consequentemente repetimos o nosso desejo de estar entre aqueles que promovem culturalmente o nosso concelho….” Este desejo dos elementos do Teatro da Biblioteca concretizou-se pois lá estiveram, com eles, muitos amigos

Labrugeira, 20 de Maio de 2000 – Festa do 10.º Aniversário do “Teatro da Biblioteca”

Já lá vão dez anos, altura que o “Teatro da Labrugeira” começou a praticar, a difundir, a trabalhar e a “consumir” cultura. Gualberto Silva, na sua intervenção de boas vindas aos convidados, e relembrando João de Deus, declarou que “organizar e manter um grupo de teatro de amadores, durante dez anos ininterruptos, talvez seja coisa de quem não tem muito miolo, mas a gente habitua-se e gosta e faz festa”. Nós, simples amigos de longa data, gostamos e habituamo-nos e agradecemos a quem faz festa.

Foi uma festa simples mas nem por isso menos animada, apesar de termos notado algumas ausências daquelas que seriam “obrigatórias” neste dia. Falamos concretamente do Grupo de Teatro Amador de Alenquer, do Grupo Cénico Palmira Bastos de Aldeia Gavinha e do Grupo de Teatro de Meca, segundo indagamos também foram convidados.

“Consequentemente repetimos o nosso desejo de estar entre aqueles que promovem culturalmente o nosso concelho…”. Este desejo dos elementos do Teatro da Biblioteca concretizou-se pois lá estiveram com eles muitos amigos. Citando só alguns, João Correia, do Grupo de Teatro da URDA, José Gregório, ex-presidente da Junta de Freguesia da Ventosa, Orlando Pereira, José Maurício e Luís Rema, da Câmara Municipal; Dr. Fernando Rodrigues, da Assembleia Municipal; a Junta de Freguesia da Ventosa, toda a Direcção do Clube da Labrugeira e pela Informação, a Rádio Voz de Alenquer e o Jornal D’Alenquer.

Gualberto Silva, mais uma vez, relembrou uns conhecidos versos de João de Deus. Blasfemando esses mesmos versos perdoem-nos dizer: “com que então caíram na asneira de fazer, no dia 20 de Maio, 10 anos, que tolos!…”. Para o ano com certeza cá estaremos a comemorar e a festejar “tolamente” mais uma “asneira” do Teatro da Labrugeira. Tudo isto é merecido “pelo seu esforço, pela sua entrega e, também pela qualidade do que fazem”.

Hernâni de Lemos Figueiredo

©Hernâni de Lemos Figueiredo (2000)
director do Jornal D’Alenquer
in Jornal D’Alenquer, 1 de Junho de 2000, p. 17

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s